sábado, 18 de setembro de 2010


Crédito da foto: Autor Ricardo Pinheiro http://br.olhares.com/cidade_a_noite_foto32102.html


PARAÍSO

Toma chá tranquilo à mesa da sala. Quando era jovem, viveu num lugar ermo e o silêncio-monstro gritava tão alto em seus ouvidos, que seu corpo vibrava. Por isso, nunca mais voltou à terra natal, não queria reviver lembranças tão angustiantes. O silêncio-monstro tem medo das luzes da cidade e seus ruídos. Então, fica à espreita, escondido numa caverna nas profundezas de seu inconsciente.
Postar um comentário