terça-feira, 15 de maio de 2012


-ALÔ...

 Amiga, eu te amo porra. Para de babaquice de amiguinhos para sempre. Sei que me quer como eu a você. Você foge de mim, arranjando babacas que só te sacaneiam. O que quer? Aparecer morta num beco escuro? Por que não me deixa eu te salvar. Não me subestime. Pare de fugir, sabe que não estou brincando. Vamos falar sério. Foda-se se está com alguém, manda ele ir embora. Você sabe que é minha. Lembra-se das nossas brincadeiras quando éramos crianças? Sei que se lembra... Deixa ser o homem da sua vida. Espera! Não desliga! Larga esse otário, posso ir ai e expulsá-lo. Por favor! Me leva a sério, não me mande tomar remédio e depois dormir. Vamos ficar abraçadinhos soltando pum embaixo do edredom. Não desliga! Não desliga! Não desliga!...
Postar um comentário