sábado, 28 de novembro de 2015

SOB A NEVE( conto antigo e retocado, talvez novo conto)

Imagem encontra no blog


trabalhava no armazém dos meus pais recebo o convite de uma tia para viajar a um lugar que sempre quis conhecer/ no início  estava inseguro ela tinha fama de ser muito chata  a viagem foi um inferno me humilhava quase todos os dias  dizia que eu era um homem de mais trinta anos fracassado nunca senti tanto ódio por uma pessoa suas palavras me corroía/ mas  teve algo bom na viagem encontrei uma prima distante a bela Sofia de dezoito anos saíamos escondidos para ela me mostrar a cidade que habitava meus sonhos por muito tempo fazíamos amor na adega de seu pai de repente me senti mais vivo/ um dia nos descobriram minha tia me humilhou tanto que o ódio me subiu a cabeça a empurrei chamando-a de vagabunda/estou perdido no bosque todo o meu corpo está congelado a neve me cobre ESPERA UM MOMENTO tive a impressão de uma mão afagar o meu rosto não sei se foi de minha mãe ou de Sofia tudo se mistura em mim passado presente futuro

 

Postar um comentário