domingo, 7 de fevereiro de 2016

GALINHA BRANCA NO MEIO DA NOITE



Quando a vi, senti preocupação por ela, é tão frágil. Explora a escuridão e parece não se importar com os perigos, com certeza não tem opção e o instinto de sobrevivência a impulsiona. Já ouvi dizer, que a galinha é descente dos dinossauros, logo, carrega uma ancestralidade mais tempo que eu, por exemplo. É um ser que deve ter um conhecimento genético para saber que a vida é foda! E eu com "peninha" dela, achando-me superior! As galinhas são mais antigas que o Homem, enfrentaram mais adversidades que a gente! Ela pode ser mais apta que eu, até. Inexplicavelmente sinto medo, serei eu a presa?! Vejo dois homens olhando para meu bolso da bermuda, onde está meu celular novo e eu preocupado com a galinha... O ser humano é um bicho bobo e pretensioso, mesmo.

 

Postar um comentário