quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

NUNCA NINGUÉM ME AJUDOU

Imagem encontrada no google

- Tio?! Sou eu, Lauro Augusto. Espera um pouco, não desliga. Quero falar uma coisa com você. Como? Está com dor, conta uma novidade, tio? Sempre está com dor. Também, está com câncer terminal... Tio espera! Saco! Outra vez ao médico, mas não adianta nada mesmo. Tio deixa eu falar com você!!!!! Bem, é que estou com muitas ideias, sabe? Sempre fui tão criativo, mas ninguém nunca me ajudou nessa vida, sempre tive que fazer tudo sozinho. Até você tio, nunca quis me ajudar, apesar de ter tanto dinheiro. Não, tio, não desliga! Não vou xingar você novamente e nem falar coisas do passado. É que eu precisava de um empurrão pra vencer na vida. Sou tão criativo e inteligente, porém nem meus pais me ajudaram, pior, sempre me boicotaram. O senhor sabe muito bem disso... Não, não vou falar dos mortos. Quero falar dos meus novos projetos e como o senhor pode me ajudar, tio. Como? Está sem dinheiro e o que tem é para o tratamento? Tio, por favor!!! Você tem grana pra caralho. Por que não divide um pouco comigo, nem vai mais usufruir dele, já que está com os dias contados. Tio, espera! Não desliga! Tio é a chance da minha vida! Divide um pouco que você tem comigo. Sempre tive que fazer tudo sozinho, nunca ninguém me ajudou! Por favor, tio!!! Ai que dor!!! Tio é sério, estou com dor no peito. Tio me ajuda, pelo amor de Deus. Chama a ambulância, TIO!!!!

***


Postar um comentário