terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Dona Luiza



Cena do filme Um amor para recordar

Era muito sensível. Chorava com filmes, livros e novelas românticas. Só se irritava, quando os filhos faziam bagunça e não a deixavam ver nada. Batia tanto neles que, um dia, o marido a denunciou à polícia.
Postar um comentário