quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011




Nos Braços de Morfeu, deus dos sonhos, obra de Willian E. Reynolds-Stephens (1894).












CASO DE AMOR



Sempre acorda com uma flor entre os seios. Sabe que foi um presente de seu amante Morfeus.






Postar um comentário