sábado, 5 de fevereiro de 2011





DONA CÂNDIDA

Preparava com carinho a sopa e distribuía aos mendigos. Quando soube das notícias do extermínio dos moradores de rua por envenenamento, imaginou-os a brincar com os anjinhos no céu.


Postar um comentário