quinta-feira, 5 de agosto de 2010

MAMÃE SOL E PAPAI LUA






Ela era forte como touro, enquanto ele tinha uma estrutura de uma pétala. Mamãe ia trabalhar na lavoura e o trancava comigo para nos proteger dos curiosos que rondavam as redondezas. Ele arrumava a casa e fazia passarinhos com pedaço de papel para mim. Em uma noite, estávamos felizes jantando e um bando invadiu nosso lar. Mamãe lutou bravamente, mas foi rapidamente morta. Papai fugiu comigo pela floresta e mandou eu me esconder na mata. Os homens o encontraram, mas ele se jogou no precipício. Desde esse dia, sonho com papai lua e mamãe sol a me velar no céu. Quando acordo, sinto meu corpo transbordando aleluia.
Postar um comentário