sábado, 21 de março de 2015

OVO



Vocês não estão vendo, como assim? Está diante de seus olhos e ninguém faz nada? Por quê? Cometem um crime horrível e ninguém percebe! Como são cruéis! A violência é atávica em vocês! Gente, esse ovo cozido é vida! É origem de tudo e vocês querem comê-lo. Não ouvem o pranto do ovo, ele chora por dentro. Deixem o ovo viver com sua ancestralidade. Como podem ser tão irresponsáveis! Graças a Deus, eu me alimento de luz! Sou um ser especial, que não mata um ovo para satisfazer meus impulsos mais primitivos. O ovo é universo! Ele é mais que vocês todos juntos! O ovo é Deus! Queria ter um ovo mítico em Brasília ao invés de políticos. O ovo com sua brancura ilumina a escuridão do caos. Não veem isso? Não adianta chamar a polícia! Não deixarei que toquem em sua divindade. Ele é tudo-nada e nada-tudo. Senhor! Perdoe essas pessoas que não sabem o que fazem. São bestas famintas que, mesmo ao comer o ovo, nunca encontrarão sua inteireza.
Postar um comentário