sábado, 8 de novembro de 2014

IDÊNTICAS


Imagem encontrada no google



Heleno tinha temor de morrer. Certa madrugada de lua cheia, sonhou que estava caminhando em uma rua vazia e encontrou duas garotas idênticas de mãos dadas. Perguntou o nome delas e lhe responderam que já sabia quem eram.

Ao acordar, sentiu-se mais leve. Começou a viver sem medo da morte e aproveitou melhor os momentos. Lembrava-se constantemente do sonho que teve com as duas meninas, porém vinha o turbilhão da vida, empurrando a recordação para as profundezas do inconsciente.

Com passar do tempo, já bastante idoso e doente, ele olhou a janela aberta. De repente, reencontrou as duas meninas no parapeito da janela. Sorri e as identificou:


- Vida e Morte. 


***
Ao som: 


Postar um comentário