segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Certos momentos...

Imagens encontradas no google

Sinto o peso do mundo. Como se uma pata enorme me esmagasse a qualquer momento.

Em sonho, vejo o mundo, que parece ser eu numa versão gigante, que deseja me pisar. Talvez, se eu diminuísse ainda mais, tornando-me uma partícula menor que o átomo, sobreviveria ao impacto da patada.

O universo é feito de partículas invisíveis. Então, quem é mais forte? 


O mundo que é gigante e parecido comigo será vencido pelo ínfimo que sou.

***




Postar um comentário