sábado, 21 de maio de 2011


ARIADNE
Quando estava sendo devorado pela imensidão vazia, ouvia vibrações que ativavam suas lembranças, tornando-o vivo novamente por alguns momentos...


A neta sempre o visitava no hospital. Levava um aparelho de som onde colocava cds de bossa nova, música predileta do avô. Nesta hora, lágrimas atravessavam seu rosto.


Postar um comentário