segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Almada Negreiros, maternidade, 1935


ÓRFÃO

Quando se sentia só, observava o quadro de uma jovem de olhar terno. Um dia depois do seu enterro, amigos se admiraram quando a jovem do quadro apareceu com um bebê no colo.

Postar um comentário