terça-feira, 11 de agosto de 2015

"Marcos está de volta"


Edward Hopper


Sofia ao ouvir o que a mãe lhe disse, estremeceu. Lembranças adormecidas vieram à tona. Sentia medo e desejo ao mesmo tempo com o domínio de Marcos. Nunca conseguia se livrar dele. Ela era o rato e ele, o gato. Mas, Sofia mantinha seu equilíbrio, hoje é uma mulher madura e não cairia nas armadilhas de Marcos. A campainha tocou, quando a mãe de Sofia anunciou feliz que era Marcos, Sofia suou frio... Tantos anos querendo esquecê-lo e seus jogos de dominação. Ela o encarou valente e de repente Marcus não pareceu ser tão temível assim. Percebeu que ele se surpreendeu ao vê-la tão forte. Conversaram por algum tempo sozinhos na varanda. Marcos tentou seduzi-la, Sofia resistiu. Com o tempo conseguiu construir mecanismos de defesa e as cicatrizes do passado deixaram-na mais sábia. Marcus percebeu que não tinha mais domínio sobre ela e se despediu. Sofia sentiu-se vitoriosa.  De repente, assistiu na rua um rato encarar um gato e o felino ir embora. Ficou feliz pelo roedor, também.

Eram sobreviventes.



Postar um comentário