sábado, 2 de abril de 2011




FLORIBELA JERUSA GUMERCINDA

Estava esperançosa de encontrar seu amado Ronaldo Fernando Luís De Lavega. Mas, ele passou a noite toda praticando sexo selvagem com a madrasta de Floribela Jerusa Gumercinda e com o cachorro shuaua lambendo sua parte íntima.


Muito triste, Floribela Jerusa Gumercinda rasgou o vestido azul( feito com as cortinas encontradas no lixo) e correu nua, gritando de dor. Ao atravessar a rua, foi esmagada pelo ônibus.


Porém, no céu, teve a chance de voltar à vida para lutar contra zumbis. Virou uma guerreira destemida e apesar de tudo continuou virgem, esperando o homem dos seus sonhos.

“ Nunca serei promíscua como essas meninas de hoje em dia, que parecem corrimão.”






Postar um comentário