quinta-feira, 18 de julho de 2013

O PRIMEIRO LEITOR

 
Imagem encontrada no google


Sandro leu a notícia que o amigo Lúcio retornaria à cidade natal para  lançar seu novo livro. Ficou feliz com a notícia, tinha todos os livros do amigo de infância.

Quando eram pequenos, ouvia as histórias do amigo e quando Lúcio aprendeu a escrever, Sandro se transformou em seu primeiro leitor. A amizade foi rompida no final do colegial, quando Lúcio lhe disse que iria embora para dar um rumo na carreira.

“ Anos se passaram e Lúcio está aqui novamente.”, pensou eufórico. Foi à noite de autógrafo. Enfrentou fila grande para que o amigo assinasse o novo exemplar.

Quando chegou a sua vez , o outro fez gestos cordiais e mecânicos. Percebeu que Lúcio não o tinha reconhecido, agradeceu e foi embora. Não estava triste, não deixaria de ler as obras do amigo.

Na realidade, descobriu que não era de Lúcio que gostava, mas de suas histórias.


A noite estava estrelada e queria chegar logo em sua casa para ler o novo livro.

Postar um comentário