quinta-feira, 6 de outubro de 2011




TWEET

Não se sente perdido na cidade estranha. A memória projeta sua terra natal. Para os transeuntes, é um desconectado.


Postar um comentário