domingo, 19 de junho de 2011


“Transeuntes”, de Ana Zanetti




DELÍRIOS DE UM MICROCONTISTA

Em sonhos, esbarrava-se com micronarrativas-transeuntes que continham dentro de si um oceano de entrelinhas.














Postar um comentário