domingo, 6 de julho de 2014

Um dia desses...



Uma vez, quando era um menininho, vi meu tio chorando sentado na cama. Fui até ele e perguntei se estava triste. Nessa época pensava que os motivos para chorar só eram por dor, pirraça ou raiva. Porém, ele me disse que chorava por estar feliz. Recebera a carta de um amigo muito querido, que voltava para o país, depois de muitos anos fora. Ainda revelou que estava no “exílio”, somente anos depois descobri o significado desta palavra. Enfim, através deste episódio, descobri que não só se chora por desgosto, mas por alegria também. E é uma bela imagem de ser ver:
Lágrimas se dissolvendo com um sorriso iluminado.  


Postar um comentário