sábado, 31 de março de 2012


Crédito da imagem http://animais.culturamix.com/curiosidades/olhos-a-animais




TWEET


 Silêncio está no meu colo agora. Não mia, mas me olha e sei que está com fome.

sexta-feira, 30 de março de 2012


Imagem encontrada no google


TWEET 

 Madrugada. Uma borboleta invade meu quarto. O telefone toca e ouço a notícia: " Helena saiu do coma."
TWEET


Merda! Atropelei um cara e amassei o carro do papai. Ficarei sem mesada por dois meses.

Imagem encontrada no google





QUARTO ESCURO + SILÊNCIO= PARAÍSO

quinta-feira, 29 de março de 2012






TWEET 


 Às vezes desejo que meu irmão autista me deixe entrar na sua concha para me esconder um pouco.

quarta-feira, 28 de março de 2012




TWEET 

 Oi! Ainda se lembram de mim? Fui comprar pão e quando voltei, passaram-se dois anos. Estou exausto, parece que dei a volta ao planeta.

CONTO ANTIGO 2009



Crédito da foto: http://www.estadao.com.br/fotos/024B3BB26C9F46E6AC83358A57BFD6D2-p.jpg



DE REPENTE...


ele entrou numa exposição, apesar de não ter o hábito de freqüentar esse tipo de evento. Na realidade, foi atrás de uma bela jovem. Quando entrou no espaço cultural, nem queria saber das peças, procurava por ela. Perdeu-se no labirinto de obras, que representavam várias manifestações artísticas e que tinham um tema em comum: “ a primeira manifestação do amor”. Começou a se interessar pelas obras; emocionou-se com algumas e ficou atordoado com outras. Por acaso, olhou o relógio e se assustou, pois o horário do almoço havia extrapolado há muito tempo. Porém, não queria sair da exposição, foi permanecendo sem se preocupar com a fluidez do tempo...

***
Em uma entrevista, a jovem artista comentava sobre sua exposição e o jornalista perguntou a respeito de uma obra específica, que apareceu inesperadamente no evento: a projeção de um homem que percorria toda a exposição, parecendo estar completamente apaixonado pelas obras.

“ Esta obra representa a manifestação do primeiro amor de um homem comum ao se deparar com outras expectativas que a arte pode proporcionar nas nossas vidas.”

segunda-feira, 26 de março de 2012

 Quadro “Mulher jovem sentada” do norueguês Edvard Munch (1863-1944)

DESEJO 


“Outra vez, ele toca piano. Como gostaria de ser as teclas. Sentir a força de seus dedos, o suor e o sangue que sai quando tosse...”








- ESTOU SEM AR! 


 - Toma a caneta e o papel, escondi-os de brincadeira, papai. Escreve escreve, escreve...

sábado, 24 de março de 2012




OLHO VIVO


- Você cria coisas que não existem.


- Não sou eu, é meu olho que parece ter vida própria.


Edvard Munch


- QUEM É VOCÊ, MOÇA RADIANTE?


- Alegria, rapaz infeliz. Abandona minha irmã Tristeza e vem comigo.

sexta-feira, 23 de março de 2012



"Vampiro" Edvard Munch 


FUGA

Desde pequena uma sombra me espreitava, por isso sempre me refugiei na luz dos salões de festas e nas joias.

Anos depois, descobri que ela vem de mim. Agora, sugo a vitalidade dos jovens para escapar...



Imagem encontrada no google


- SEU COLO É TÃO BOM...


- Gosto de consolar.


- Minha mãe era assim. Sinto o leite escorrer no rosto.

Edvard Munch (Løten, 12-12-1863/ Ekely, 23-01-1944)

TWEET



Quando acordo sempre peço perdão para os diversos mundos destruídos para a construção do meu lar.

quarta-feira, 21 de março de 2012


O Beijo, 1897 – Edvard Munch


TWEET


M. e A. se beijam na cozinha. Pensam que estou dormindo, não querem me magoar. Já eu, não consigo viver sem eles...
main image

Crédito da foto: http://fotola.com/berylium/ninavictor/document-ninavictor41fbe24dcb96e.html?method=showLinks




- Amiga, por que está com a pele tão escamosa?


- Não sei, preparei um refresco para você.


- Obrigada! Gostoso! Tem algo especial nele. Botou o quê?


- Um pouco da minha saliva.


- Ami __________________

TWEET




Estou no engarrafamento. Calor, fome, raiva e cansado. O dedo está no gatilho...

terça-feira, 20 de março de 2012

MIMADO


- Quando algo o contraria, papai bate o pé com força.

domingo, 18 de março de 2012


Imagem encontrada no google



TWEET

Sonho com um leão caçando. Quando amanhece, encontro o corpo estraçalhado da minha namorada. Saio da barraca e vejo   algo sumir pela mata.

sexta-feira, 16 de março de 2012



DUPLA


Sou Eduardo e ele, DUDU OLIVA O LINDO DE LA VEGA. Em planos diferentes estamos conectados. O espelho é o rio que nos separa.


 

quinta-feira, 15 de março de 2012


 
Imagem encontrada no google


TWEET


00h00min Preciso dormir e paro de escrever o conto que continua a  cavalgar por lugares que nunca conheci.





TWEET

Lara! Preciso lhe contar tantas coisas, mas o semáforo demora a ficar verde para mim. Lara, Lara, Lar...

conto antigo 2009

 

QUEM É MEU PAI?

Sua mãe sempre dizia que era filho do personagem principal de um filme, não do ator. Ele resolveu esclarecer a situação. Pediu um teste de DNA do roteiro, o exame comprovou a paternidade. Entretanto, os juristas não sabem quem deve se responsabilizar pela paternidade: O roteirista ou a figura dramática.

terça-feira, 13 de março de 2012




Lilith como serpente em pintura de Michelangelo em 1.510d.C

NEURA

Sonhava com uma mulher-cobra e se excitava. Mas, tinha vergonha, na cultura em que vivia o animal era símbolo fálico. Um dia, leu por acaso o mito de Lilith.

A primeira mulher criada por Deus junto com Adão, que o abandonou, afastando-se do Jardim do Éden. Depois, a ser descrita como um demônio que em forma de serpente seduziu Adão e Eva a comerem a maçã.

Sentiu-se mais leve e mais relaxado.

“ Sonho com ela...”


Tweet


Sinto um sopro no ouvido. É mamãe me acalmando. Mesmo no céu me salva da fera que habita em mim.

domingo, 11 de março de 2012


Imagem retirada da internet



Desde menino, no quarto, uma menina se aproxima de mim e fico triste. Anos depois, tive a coragem de perguntar seu nome.

" MELANCOLIA".

sábado, 10 de março de 2012

Coisa tosca!!!

video






Música Era - Come Into My World

http://www.youtube.com/watch?v=G4itJXmI0Pk


Outra versão de um conto antigo

De repente, tenho uma ideia para escrever uma história, mas, não é inédita. Ela se perdeu no tempo e aparece na minha mente de repente.




Diana - Renoir

















DIANA- Renoir



ESVAZIAMENTO

Ela está fora de si pintando um quadro. Ódio, frustração, orgulho, inveja e ira se diluem com as tintas. Terminada a obra, cai no sono e nem percebe que alguém sai do ateliê.

A pintora acorda cansada, mas feliz por sentir paz. Está no ateliê desarrumado. Tenta se lembrar do que aconteceu na noite passada, mas só se lembra de sonhar com uma caçadora que sai de um quadro. Resolve viajar à casa de campo para dar um tempo. Antes de sair, joga o retrato de um homem no lixo.

***


Prepara o café, e lê várias mensagens no celular. “ Está louca... Acabou...”. Uma flecha o perfura. A mulher que passou a noite ao seu lado encontra o corpo dele na cozinha e pela janela vê uma caçadora.




































CONTO ANTIGO




Imagem encontrada no google



Ana Cláudia

Achava que seu amor mudaria o mundo. Começou a se corresponder com um presidiário que havia assassinado várias mulheres. Apaixonou-se por ele e o esperou sair do presídio, apesar da família ser contra. Hoje, mora com o amado e vive muito feliz. Às vezes, ele sai de noite para saciar seu desejo predador e retorna ao colo de Ana Cláudia. Milagrosamente, é a única pessoa amada por ele.

quinta-feira, 8 de março de 2012


Imagem encontrada na internet




- ESPELHO ESPELHO MEU, QUEM É MAIS BELO QUE EU?


- A folha que cai da árvore e desaparece rio afora.

Imagem encontrada no google


NO ARMÁRIO

- Tia, o bicho papão quer conversar com você agora.


- Já vou! O armário está todo ferrado, será que sobreviverá a mais uma noite?

Imagem retirada na  internet

SMS

"VC GANHOU BONUS DE MIL ANOS POR APENAS UM CORACAO DE UM INOCENTE POR DIA! NÃO PRECISA SE CADASTRAR NEM PAGAR TAXA DE ADESAO! APROVEITE!"

quarta-feira, 7 de março de 2012

Conto antigo 2008


PLOC

Depois que li o conto O COBRADOR de Rubem Fonseca, ótimas ideias surgiram. Comecei a cobrar, como o protagonista, o que a sociedade me devia. Principalmente estes mauricinhos e playboys, que se achavam os donos do mundo. Adorava vê-los se cagando de medo, quando encostava a faca nos seus rostos ou quando imploravam para parar de surrá-los.


Neste exato momento, sigo um babaquinha de terno, gravata e óculos indo ao banheiro do shopping. Ao entrar no recinto vazio, ouço um barulho de celular.

– Alô! Que foi mamãe. Como? Não pode ser! Diz que é mentira. Não!! Mas ele estava tão bem... Não!! PLOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOC

O cara de óculos sai da divisória onde estava de cabelos despenteados, o rosto cheio de baba e lágrimas. Me aproximo e ele me abraça. 


- O Ploc morreu!!! Era o meu melhor amigo!!!

Pergunto quem é Ploc, ele diz que era um YorkShire que ganhou de presente e que morreu nesta manhã. Mostra a foto dele com o cãozinho. Sua dor me comove. Tinha um grande amigo também, chamava-se Pulguento. Vivíamos juntos correndo pelo bairro. Um dia, quando ele invadiu um quintal para cruzar com uma cadela, o dono da casa deu uma foiçada, que decepou sua cabeça. Presenciei tudo, só que não pude fazer nada.

Ajudo o rapaz a se erguer e o levo até a uma lanchonete. Faz questão de me pagar o lanche. 


- Não sei como viverei sem o Ploc, era o meu único amigo. 


Nos despedimos em seguida. No ônibus ao me lembrar da foto(O Mauricinho sorria e usava um suéter amarelo. Segurava o Ploc no colo, que vestia uma camiseta da mesma cor), começo a chorar.

Nunca tirei nenhuma foto com o Pulguento...

terça-feira, 6 de março de 2012


Imagem encontrada no google


TWEET

Um passageiro diz ao celular: " PRECISO CONTAR UMA COISA". Mas, salta do ônibus de repente. Droga! Odeio quando isso acontece.


Imagem encontrada na internet

TWEET

Mulher nua, mascarada e montada num elefante alado bate na minha porta. Digo que preciso ir trabalhar e anoto rapidamente seu telefone.

segunda-feira, 5 de março de 2012

domingo, 4 de março de 2012


- OI, LI SUA CRÔNICA NO SITE...

- Que bom.

- Acho você muito sarcástica e amarga.

- Cada um tem sua opinião.

- Desculpa, não sou bom com as palavras.

- Percebe-se.

- É que elas corrompem a realidade, sabe?

- Como? Pelo contrário, ajudam a compreender o mundo.

- Não sei... Gosto de praticar exercícios físicos. Além do corpo, molda a alma e me aproxima da verdade.

- Esta teoria já ouvi em algum lugar, mas as palavras fazem parte da realidade também.

- Não consigo enxergar deste jeito. Quando leio seus textos, vejo máscaras construídas. Tem medo do quê?

- Querido, está lendo muito livro de autoajuda.

- Eu? Só falo o que penso.

- Certo, tenho que ir.

****

Ela saiu pelas esquinas da cidade, sente-se mexida no corpo e na alma.

Ele volta aos exercícios físicos até o sol se pôr. Quando a noite chega, olha suas fotos espalhadas no pequeno apartamento e acredita estar chegando à verdade suprema. A imagem da cronista rodopia em volta da sua cabeça.

conto antigo 2009



"Lucrècia moribunda de Damià Campeny" http://www.ojodigital.com/foro/999600-post1.html





ALTA MADRUGADA






Quando começa a sentir dor, sente Morfeu lhe abraçar, depois, dar-lhe um longo beijo nos lábios e a descer até os seios.


***


Ouve um gemido, o enfermeiro aplica morfina na jovem moribunda. Ele a vê relaxar e, às vezes, parece se oferecer. Depois da injeção, o enfermeiro volta à leitura de um livro. Tenta se concentrar para distrair o desejo.





sábado, 3 de março de 2012


Imagem retirada do google


VIAJANTE DO DESERTO


- Fotos lindas, principalmente esta, em que atravessa o deserto.


- Curioso, quando fazia a travessia, lembrei-me de você.


- Coincidência.


- Será?


- Está tarde, preciso ir.


- Tome esta foto.


- Muito linda, sempre sonhei caminhar pelo deserto.


- Por isso que tirei a foto. Quis realizar seu sonho.


- Obrigado.


- Nossa... o chão está cheio de areia.


- Deve ser meu sapato, que sempre está com areia na sola...




***


Observou o amigo ir embora. “ A areia sempre o acompanha.”