domingo, 31 de julho de 2011


PERTENCIMENTO

 Cena do filme: "A dupla vida de Verónique"
"O lar é onde o coração do homem cria raízes."Autor - Ibsen , Henrik







Ela cansou de se fazer presente, sempre se sentiu desconectada de todos. Tinha marido e filhos, mas não se importavam com sua presença. Sentia-se fantasmagórica.


Um dia andava pela cidade. Percebeu que as ruas e as esquinas se prolongaram, formando um labirinto. Ficou nervosa, estava perdida. Repentinamente, encontrou um lugar que se parecia com o mundo que sempre vivera, mas não era. Andou por horas e resolveu ir ao endereço de sua casa, para ver se ainda estava lá.


Quando entrou no recinto, encontrou um marido e filhos amorosos. Pensou: “ eles são outros!”.  Passaram-se alguns anos e ela estava completamente integrada nessa realidade.


Às vezes, o medo batia à sua porta, quando pensava naquela vida passada. Tinha medo de retornar e, para não pensar, entregava-se por inteira neste mundo de agora, que era outro.

sexta-feira, 29 de julho de 2011

quarta-feira, 27 de julho de 2011

segunda-feira, 25 de julho de 2011

sábado, 23 de julho de 2011






UM DIA NO PARQUE


Quando a filha foi fazer carinho no gato de rua e ele a arranhou, lembrou-se de um colega de infância que a empurrou quando tentou beijá-lo. Pensou: “ Existem almas tão violentas, que um carinho, para elas,  significa cárcere.”. O gato desapareceu como o coleguinha.


sexta-feira, 22 de julho de 2011





TWEET

Recebi, agora, um e-mail estranho: "Visitou sua floresta sombria?".  Mesmo apagando a mensagem, ela ainda está em mim.

quinta-feira, 21 de julho de 2011






tweet

Vou dar uma saída rápida para comprar Ambrosia. Quero ter a imortalidade dos Deuses. Só tenho receio de o produto ser falsificado.

quarta-feira, 20 de julho de 2011

O Divã



TWEET

Meu terapeuta de repente chora e eu o consolo. Fico feliz por sair um pouco dos meus problemas e ajudar o próximo.


terça-feira, 19 de julho de 2011

LABIRINTO= olhos + uma câmera ligada+ espelho+ um quarto escuro




TWEET

Tenho um pensamento antigo que me persegue: O mundo é uma projeção da minha imaginação e vocês são quimeras que moram no meu inconsciente. 

segunda-feira, 18 de julho de 2011






ASSUNTO POLÊMICO PARA TER FAMA: Branca de neve tem problemas de gases. Seus puns estão matando a fauna e a flora do bosque.

TWEET

Encontraram-se e se curtiram. Não buscavam uma HISTÓRIA DE AMOR, eram colecionadores de instantes. 

domingo, 17 de julho de 2011



TWEET

A vizinha bruxa deu bolinhos para meus pais e agora estão tendo múltiplos orgasmos do nada. Não os provei, tá amarrado...
Força enlatada: o marinheiro Popeye abria sua lata de espinafre sempre que precisava de energia extra

tweet


TRANSFERÊNCIA: Um amigo, já meio maluco, roubou o espinafre do Popeye pensando que era maconha. Agora só quer comer a verdura.

TWEET

Merda! A minha mãe me chama para eu limpar o vômito de palavras que deixei na sala. Digo que já vou, estou limpando o quarto.



TWEET

Imaginei um microconto na hora do almoço. De repente, ele saltou da minha cabeça parando no prato do meu pai. Droga! Vai virar cocô.

sábado, 16 de julho de 2011




TWEET


QUIMERA: Em sonhos a ouço cantar que sou seu cavaleiro. Lembro-me da minha prima que me pediu um beijo no leito de morte.



TESTE DE DNA: Sou filho do vento, por isso sempre estou em todos os lugares e não fico em lugar algum.

quinta-feira, 14 de julho de 2011




TWEET


APARIÇÃO: Lavo o rosto na pia e a vejo atrás de mim. Sorri, desaparecendo, pela primeira vez, em todos esses anos. Perdoou-me.

terça-feira, 12 de julho de 2011

segunda-feira, 11 de julho de 2011


TWEET

DISSE AO MEU CHEFE: “ Não desperte meu pior lado”. Fui demitido e agora estou à espreita, aguardando ele sair da toca.






TWEET



Caramba! Já é de manhã e preciso sair para trabalhar, mas as corujas, morcegos e estrelas não me largam.

domingo, 10 de julho de 2011






TWEET

Ouço a trilha sonora principal do filme UMA VEZ NO OESTE. Sempre que acabo de ouvi-la estou coberto de poeira. 



Tim Flach-Equus project-no Lightmylife



CAIXA DE ENTRA( 1 MENSAGEM)

Sim! Escrevo e-mail para mim mesmo. O que me leva a cavalgar em pensamentos para terras distantes da minha insanidade? Quero ser salvo e ao mesmo tempo desejo me perder. Por que sou tão contraditório? Tantas questões sem reposta. Estas palavras escritas são reflexos de meus pensamentos que estão tropeçando toda hora na minha cabeça. Por que escrevo e-mail para mim? Talvez, um dia posso respondê-lo ou deletá-lo, pois não entenderei nada. Algo me esmaga, são as ideias e preciso descarregá-las. Peixes de letras beliscam minha perna, comem meus pelos. Sereias com rostos de vaginas cantam para mim, mas não ouço nada, sinto a vibração na minha carne. Doideira! Farei brigadeiro. Não tem leite condensado. Nada presta na tevê. Continuo a escrever este e-mail. Sempre tive medo da loucura, mas tenho um desenho de uma âncora que aperto contra o peito. Vou ficar aqui! Sou mais forte, enfrentarei o dragão que cospe fumaça de gelo e que queima toda a minha pele. Não sei o que estou fazendo, devoro minha própria calda; sou cobra. Leio Borges, não entendo porra nenhuma, sinto-me esmagado por conhecimentos holísticos e muito antigos. Entretanto, a única coisa que compreendo é que ele fala que os mitos estão dentro de nós vivos e que se repetem ao longo de gerações. O que se passa com a gente, aconteceu com outras pessoas do passado. Nossas vidas são simulacros dos mitos. Como no conto a História do Guerreiro e da Cativa, a imensidão do deserte me chama. Caos! Não compreendo que estou digitando. Será que vou entender esta merda aqui? Sonhei com uma águia que tinha o rosto de Clarice Lispector, escrevia no céu encantando as outras feras. Este e-mail está muito longo. Termino por aqui, talvez, tenha continuação. Agora, permaneço a cavalgar ao lado da cachoeira selvagem rumo ao desconhecido.


Até mais,
eu mesmo.

sábado, 9 de julho de 2011


TWEET 

Olhei para um mendigo, reconheci-me. Tive repulsa e pena. Estou doido por um banho, mas cortaram a água lá de casa.



QUANDO O PERSONAGEM ESMAGA O INTÉRPRETE...

EXCLUSIVO!
Ator perde a direção e bate num muro, onde tinha cartaz de seu novo filme.
          

quinta-feira, 7 de julho de 2011





TWEET




SINTO-ME SER OBSERVADO: O ônibus para e os passageiros saltam. Um bilhete aparece no meu colo: “ Nos encontramos nos sonhos.”


quarta-feira, 6 de julho de 2011







TWEET


SINAL FECHADO: Vejo Ana com uma criança no colo. Está bem e me sinto aliviado. Aquela noite, não a deixou com marcas profundas.

terça-feira, 5 de julho de 2011





PERSONAGEM

“Escrever não é nada mais do que um sonho guiado.”
Citação supostamente de Jorge Luis Borges


...Desprendeu-se do livro e, como um fantasma, possuía as pessoas que cruzavam seu caminho. Adorava ver-se em diferentes formas. Quando se cansava de ficar muito tempo num corpo, largava-o de repente. Consequentemente, as vítimas acordavam em lugares estranhos e ficavam atordoadas. Tentavam voltar para casa, mas quando retornavam, tudo estava diferente.



***



“Curioso, falta um personagem no meu livro. Os outros dizem que estou dizendo maluquices, mas sei que ele existe.”. O escritor percorria a cidade a procura de sua criação. “ Ele deve estar em vários lugares, ao mesmo tempo, pegando carona com o vento.”. Olha para um indivíduo e reconhece o olhar do personagem. Começa a segui-lo. O outro percebe a perseguição e para. Vai ao encontro do escritor: “ Você nunca me pegará.”. O escritor percebe que o olhar do personagem se dissipa e o outro atordoado pergunta: “quem é você?”.
***



“ Está é minha natureza, sou invasor de corpos. Faço isso para sobreviver, senão continuo a ser uma invenção. Seguirei o destino que escolhi.”.
O personagem continua sua travessia.



***

Os meses se passaram e a perseguição continuava. Criador e criatura reconheciam-se a cada esquina. Nenhum dos dois queria desistir. Um dia, cansados, resolveram fazer um duelo. O personagem invadiu o corpo do escritor, mas ele continuou consciente. Para a batalha, o personagem chamou todas as criaturas que viviam no inconsciente do escritor com o intuito de o devorarem. Mas, ele tinha todos os conhecimentos filosóficos e racionais ao seu lado. A guerra foi violenta...



***

O escritor e o personagem no último confronto se fundiram.  Deixaram de ser unos, tornaram-se duplos. Viviam alternadamente suas vidas, perdidos nos labirintos que um deixava para o outro.


TWEET

Traição: Enquanto Laura beija Paulo, o namorado dela beija a foto da noiva falecida anos atrás.

sábado, 2 de julho de 2011




- POR QUE NÃO CONSIGO PEGAR VOCÊ?

- Minha mãe tinha um namorado imaginário. Engravidou e pariu uma imagem, que sou eu.

- Não é justo. Ai, sempre serei eu que vou correr atrás de você no  pique-pega. 

“MAMÃE, O TIO ESTÁ VIAJANDO DE NOVO SENTADO NA CADEIRA”








MEIGA...
deu esse nome à cadela recém nascida em homenagem à cachorra que cuidou dela por anos. Sua mãe a largava no quintal e se trancava em casa, para fugir ao seu reino utópico.











Inspirado em fatos reais.

sexta-feira, 1 de julho de 2011